SANEAMENTO

A discussão sobre Saneamento no Brasil pode até ser antiga, mas foi a partir de 2003 que o tema começou a ser visto de maneira estratégica, principalmente pelo poder público. Esse período foi marcado pela revisão do papel do Estado no campo das políticas públicas de saneamento básico. Tudo isso no intuito de tentar equilibrar a iminência do crescimento urbano com a questão da saúde pública e do meio ambiente.

Apesar disso, foi em 2007 que todo esse processo passou a se consolidar, saindo de um período de incertezas no marco legal do tema. Com a criação da Lei N° 11.455/2007, que estabeleceu legalmente diretrizes nacionais de saneamento básico, os estados e municípios passaram a ter uma referência para tratar a questão. A partir da Lei Nacional de Saneamento, passaram a surgir novas ferramentas para contribuir no seu avanço.

O primeiro trabalho da Gama Engenharia na área de Saneamento aconteceu justamente em 2003, no início do amadurecimento da discussão em todo o Brasil. Com foco no estudo de soluções para reuso e economia de água partindo de um pensamento de saneamento ambiental, o projeto já indicava que a Gama Engenharia no início de suas atividades, mesmo sendo ainda uma empresa de pequeno porte, se preocupava na sua raiz com a questão do Saneamento.

A Gestão de Saneamento está assumindo papel estratégico na condução de um planeta sustentável. A Gama Engenharia e Recursos Hídricos, alinhando as necessidades de desenvolvimento da sociedade e preservação ambiental, oferece consultoria também na área de Saneamento.

  • Projetos de sistemas de abastecimento de água tratada
  • Projetos de sistemas de esgoto sanitário
  • Projetos e planos de drenagem urbana
  • Planos de Gerenciamento de Resíduos Sólidos
  • Planos Municipais de Saneamento Básico (PBA)

Os comentários estão encerrados.